Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Agosto 05, 2015

Atualizar: nove anos

Miguel Marujo

Oito anos - por Miguel Marujo, em 05.08.14

Ontem, dia 4, passaram [9] anos desde que fui despedido sem justa causa (mas causa "ganha" em tribunal, três anos e meio depois) de um jornal, pelo maior fdp com quem trabalhei na vida, daqueles que fazemos por nunca mais tropeçar na vida. E o que a vida nos ensina não é que o desemprego é uma oportunidade (é um desenrascanço, porque nos lixa a vida toda), mas sim que voltamos a tropeçar em gajos quase-assim. E que todos os dias nos apregoam virtudes alheias, os mesmos que atiraram o mundo ao charco em 2008, mas que continuam a querer convencer-nos que a receita certa é a deles. Eles não ganharão, mesmo que demore outros "três anos e meio".

 

[este texto, como se vê, tem um ano; escrito há um ano, atualizei apenas a passagem do tempo; porque o tempo permanece igual; sobre estes tempos, e como iguais estão, republica-se, sobretudo agora que o tempo de desemprego é arma de arremesso político.]

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.