Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Abril 14, 2007

A idade da inocência

Miguel Marujo

«É difícil de compreender que sem qualquer sinal de aberta violência ou constrangimento forçado, - não tinham a espada da Al-Qaida e uma expectativa de uma morte quase certa sobre a sua cabeça - os marinheiros se prestassem tão depressa, tão bem e tão à vontade a servir a propaganda de guerra iraniana».

Os teóricos defensores da guerra sentados no sofá, como Pacheco Pereira, insistem, não percebem, fingem que só eles colocam as perguntas difíceis. E não lhes passa pela cabeça que a guerra, esta guerra absurda, ceifa jovens, muito jovens, como a idade dos soldados ingleses prova. Do sofá, é fácil duvidar, «difícil compreender», num teatro de guerra, eles também se prestariam a este jogo.

[Idades dos soldados]
Leading Seaman Faye Turney, 26
Marine Adam Sperry, 22
Operator Mechanic Nathan Summers (s/d)
Royal Marine Capt Chris Air, 25
Lieutenant Felix Carman, 26
Operator maintainer Arthur Batchelor, 20
Royal Marine Mark Banks, 24
Royal Marine Joe Tindell, 21
Royal Marine Danny Masterton, 26
Royal Marine Paul Barton (s/d)
Leading Seaman Christopher Coe, 31
Operator Maintainer Simon Massey (s/d)
Operator Maintainer Andrew Henderson, 24
Corporal Dean Harris, 24
CPO Gavin Cavendish (s/d)

[s/d=sem dados, num perfil da BBC]