Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Maio 10, 2004

Fomos a banhos...

Miguel Marujo

E quase que nos perdíamos por lá. Mas mais valia ter ficado. Para quê ocuparmo-nos do mundo, quando este é um lugar de coisas feias. Há em Lisboa o Beco do Belo. Podia ser a morada dela, ou a nossa - exilados do mundo. Assim, não tropeçávamos em Guantanamo, Abu Ghraib ou no número de desempregados que cresce nas ruas das nossas cidades. Mas aquele beco, assim fechado, fora do mundo, tornava-nos também mais feios. A cidade vive disto tudo, alimenta-se destes extremos: da mulher bela que é Laetitia, do horror das prisões, do temor dos prisioneiros às mãos dos carcereiros, em Bagdad ou em Havana. O pior é descobrir que há quem queira tornar belo o que é feio, em sustentar o intolerável, em defender as fotos da tortura com exercícios de memória selectiva.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.