Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Janeiro 13, 2004

As notícias não são milagres. Os jornalistas às vezes julgam-se profetas

Miguel Marujo

Escreve Rui Almeida: «Fala-se por aí de milagres, a propósito da utilização do termo em actos jornalísticos.

[Acho ridícula a mania (contrária ao rigor apregoado...) de os jornalistas usarem indiscriminadamente este tipo de metáforas, tal como acho ridículos os excessivos adjectivos.]
» Eu aplaudo. E olho em volto... à espera de um milagre mais terreno dado à responsabilidade do que fazemos.