Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Abril 16, 2007

Por um canudo

Miguel Marujo

Aflige-me muito mais a credibilidade de um primeiro-ministro pela sua política, do que por uma eventual aceleração no fim de curso. E o meu ponto no post anterior (e noutros), assumo, é contra o excesso que é jornais, televisões, rádios perderem-se com um diploma, e ao resto dizerem (quase) nada. Sintomática a entrevista na RTP: 45 minutos para certificados e datas e habilitações, pouco mais de nada para desempregos, Otas. Nos últimos dias, também se soube do fosso cavado entre ricos e pobres, que tem aumentado e é superior à média europeia. Alguém debateu «o silêncio de Sócrates» sobre a matéria?