Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Maio 03, 2007

«Não abandono o barco»

Miguel Marujo

O capitão julga que ainda navega, mas o barco já está atolado num mar de lama e só os ratos e ratazanas ficaram no porão a partilhar os restos e a imundície. Quando é assim, o capitão já não é capitão de nada, mas finge ou não quer perceber.