Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Do aborto e de sombras

por Miguel Marujo, em 31.08.04
As premissas de uma paz duradoura são caminhos possíveis para um mundo sem a sombra da guerra: a honestidade na informação, a equidade dos sistemas jurídicos e a transparência nos mecanismos democráticos. E nunca quebrar compromissos assumidos, como se passou com o Protocolo do Quioto e com a reconstrução do Afeganistão, ou não avançar para guerras assentes na metira. Quando esses compromissos são com países pobres, a exigência deve ser ainda maior. Quando as mentiras visam uma "parte" do mundo, o cuidado deve ser outro.



Tudo isto contraria o discurso pós-11 de Setembro, que em nome de uma alegada liberdade, instalou uma mentalidade securitária e desconfiada e uma militarização global da política. Os últimos exemplos patéticos foram uma catástrofe ambiental "combatida" por um ministro da Defesa, falando dos avanços e recuos das forças inimigas - as manchas de fuelóleo, no caso - e, agora, o mesmo ministro a ensaiar uma batalha naval na costa portuguesa, contra um barco dito do aborto.



À arrogância da potência, do «quero, posso e mando», não se pode contrapor (e aplaudir, mesmo que por omissão de condenação) a arrogância do terrorismo, igualmente intolerante para com o Outro e injustificável, que ataca cegamente e mata indiscriminadamente - basta recordar a lista das nacionalidades dos mortos no World Trade Center.



Entre estes dois pólos de extremos, há possibilidades de paz, sementes para a paz. Como os movimentos globais de cidadania, expurgados de quem deles se aproveita para instalar a lógica da violência. Como projectos que procuram respeitar o Outro, como sejam o comércio justo, a economia de comunhão ou o microcrédito/direito ao crédito.



E entre estes dois pólos de extremos, há possibilidades de diálogo, sem medo de recuperar esta palavra, que é porventura um dos mais importantes legados de António Guterres. E, ao contrário do que possa parecer, não é pequeno este legado. Basta olhar para a política governamental nos últimos dois anos.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Seguir

foto do autor


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2005
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2004
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2003
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D


Links

KO! [EM DESTAQUE]

  •  
  • OS QUE LINKAM A...

  •  
  • MUITO CÁ DE TODOS OS DIAS

  •  
  • CÁ DA CASA TUDO PARADO

  •  
  • MUITO CÁ DO PRÉDIO

  •  
  • MUITO CÁ DO BAIRRO

  •  
  • ESPECIALISTAS [CINEMÚSICA]

  •  
  • ESPECIALISTAS [COMUNICAÇÃO]

  •  
  • ESPECIALISTAS [ESCRITA]

  •  
  • ESPECIALISTAS [HISTÓRIA]

  •  
  • ESPECIALISTAS [FOTOGRAFIA+ILUSTRAÇÃO]

  •  
  • ESPECIALISTAS [IGREJA]

  •  
  • ESPECIALISTAS [HUMOR]

  •  
  • ESPECIALISTAS [SABERES]

  •  
  • PARA DESCOBRIR

  •  
  • FORA DOS BLOGUES