Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Abril 02, 2008

Casamentos

Miguel Marujo

O meu casamento é misto: um baptizado casado com uma não-baptizada. Se o acordo foi entre os dois, a "autorização" para a sua "misticidade" teve de ir ao bispo, que (não conhecendo os nubentes) assinará sempre de cruz. A menorização da responsabilidade dos nubentes começa nestes pequenos gestos. (Já não falo do questionário feito.) É esta a pecha católica: menorizar os casais, homens e mulheres, porque por natureza se desconfia de cada um. A seguir, a desconfiança eterniza-se, se o casamento der para o divórcio: os divorciados que não podem recasar, os divorciados proibidos de comungar... Já aos casados, permite-se tudo, inclusive a violência. Com ou sem autorização eclesial.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.