Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Agosto 03, 2013

provedorias

Miguel Marujo

Habituei-me a ler os provedores dos leitores como consciências críticas do jornalismo e do trabalho de jornalistas. Habituei-me mal, ao ler gente como Mário Mesquita, Bettencourt Resendes, Jorge Wemans, Joaquim Fidalgo ou José Queirós (entre alguns mais). Constato este detalhe: foram eles que me ensinaram muito do que sou como jornalista. Pena que hoje só leia ódio gongórico em quem se diz provedor do leitor. Deve ser isto também a decadência dos jornais de que se fala.