Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Novembro 09, 2011

Este senhor de facto nunca percebeu o 25 de Abril e menos ainda a democracia

Miguel Marujo

De uma notícia na Lusa: «Hoje, Portugal está "a atingir o limite", disse [Otelo Saraiva de Carvalho], corroborando o que há seis meses dissera à Lusa: "Se soubesse o que sei hoje não teria possivelmente feito o 25 de Abril". O coronel na reserva acredita que há condições para os militares tomarem o poder e vai mais longe: "bastam 800 homens". Em comparação com o golpe de 1974 -- do qual afirma ser um "orgulhoso protagonista" --, Otelo considera que um próximo seria até mais fácil, pois "há menos quartéis, logo menos hipóteses de existirem inimigos" da revolução.»

Novembro 09, 2011

Marcha atrás

Miguel Marujo

Escrevi há dias que aliviada a Grécia, a democracia dos mercados se virava para a Itália. O filme tem uma narrativa óbvia: afastado o despesista, os mercados assobiam para o ar e disparam os juros da dívida. O problema continua a estar também nos mercados. Corrijo: sobretudo nos mercados. Quando a Europa se resolver a assobiar para o ar contra os mercados, as coisas vão melhorar.