Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Maio 10, 2011

O equívoco de Luís

Miguel Marujo

Luís, longe de mim ter a verdade. Não tenho uma verdade conveniente. Menos ainda beata, apesar de perceber o tirocínio que tentas fazer por não esconder a minha fé e por dela fazer acção cívica e política. Santinhos, beatices e imaculadas deixo-as para quem invoca a senhora de Fátima em luta contra o Prestige. Mas bastaria saberes de que se cose a minha fé e as palavras que leio e que me guiam, para não ires por aí.

 

Não detenho a verdade, mas ao contrário do que dizes não acho que a minha verdade só é boa se for de acordo com o meu voto, ou se só ganhar a minha cor. Acho sempre que o povo (peço desculpa pela linguagem esquerdalha) tem razão mesmo quando vota em Cavaco, e sabe deus como eu não gosto de Cavaco. Não lhe chamo estúpido, ao povo, claro, só porque votou assim. Mas isto sou eu. A verdade, lá está, não a tenho, já o teu post é um despejar de palavras contra, sem argumentos. Os meus estão lá bem escritos. A 6 de Junho, veremos que argumentos terão razão.