Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Janeiro 22, 2011

Dia de reflexão

Miguel Marujo

Este dia é absurdo. Mais ainda num tempo em que a informação circula de forma solta. Este blogue mantém a tradição - e faz deste, um dia de apelo ao voto. Contra Cavaco, para começar. A segunda volta será muito menos dispendiosa ao País que um segundo mandato deste senhor. É votar, meus senhores.

Janeiro 20, 2011

Juros

Miguel Marujo

Cavaco diz que não for eleito já, e formos a uma segunda volta, as taxas de juro subirão... O rapaz sabe do que fala: a prazos tão curtos, aumentos assim devem ser se tivermos conta nos BPN...

Janeiro 19, 2011

Duas vezes

Miguel Marujo

Cavaco-presidente promulgou o diploma que promove os cortes no ensino privado. Agora que pais e alunos lhe saem ao caminho em protesto, Cavaco-candidato incentiva-os ao protesto. Faz recordar o Cavaco-primeiro-ministro que mandou dar bordoadas nos estudantes que protestavam contra as propinas e a PGA. De facto, ainda está para nascer o homem que seja duas vezes tão contraditório como Cavaco.

Janeiro 18, 2011

A democracia

Miguel Marujo

Não vai em cuidados, diz Cavaco, a nossa democracia. Claro que não: a sua eventual reeleição discute-se ao minuto 38 do noticiário da SIC.

Janeiro 16, 2011

Típico

Miguel Marujo

A melhor defesa é o ataque. Deve ser por isso que Cavaco insiste em que o andam a caluniar. De novo, a comparação com Sócrates é inevitável.

Janeiro 15, 2011

Critérios

Miguel Marujo

... de dois pesos e duas medidas, na avaliação editorial de jornais e na leitura dos opinadores do costume:

 

exemplo 1:

Sócrates terá comprado o seu apartamento a um preço muito bom para o praticado na zona de Lisboa onde vive - quanto tempo viveu o caso? quantas insinuações se fizeram sobre a origem do dinheiro do primeiro-ministro?;

 

Cavaco comprou lote de terreno numa urbanização algarvia, promovida pelo BPN, alegadamente por permuta com um construtor civil, de que se desconhece paradeiro e valor oferecido para a troca; mais: perdeu-se a escritura, coisa pouca nas palavras do candidato-presidente, que não responde a dúvidas e ataca quem o questiona...

 

exemplo 2:

Sócrates obteve a sua licenciatura a um domingo, com suspeitas levantadas de favorecimento - quanto tempo viveu o caso? quantas insinuações sobre favores obtidos pelo primeiro-ministro?

 

Cavaco comprou acções de uma empresa não cotada na bolsa a 1 euro, preço inferior ao oferecido a outros compradores de então das mesmas acções; vendeu-as dois anos depois à mesma pessoa que lhas tinha vendido, com um lucro de 140 por cento.

 

Percebe-se: ainda está para nascer duas vezes um homem mais honesto que estes dois. Mas pelos vistos um tem direito a não ser questionado ou incomodado com actos da sua vida privada. O outro, não. Critérios.

Janeiro 13, 2011

Arrastado

Miguel Marujo

...ler a Visão de hoje para perceber que os filhos podem ter saído de casa, mas o pai Cavaco ainda passa férias com eles. E, mais uma vez, eles são simpáticos e tratam-lhe dos negócios. Negócios cujo rasto desaparece.» [Daniel Oliveira]