Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Janeiro 23, 2011

"Vitória histórica"

Miguel Marujo

Cavaco perdeu à primeira (contra Sampaio, para quem não se lembre);
Cavaco ganhou à segunda, à tangente;
Cavaco ganhou a reeleição (a terceira vez), com a mais baixa percentagem de sempre de um presidente reeleito - não chegou aos 53 por cento.
Cavaco foi reeleito com a maior taxa de abstenção de sempre em presidenciais (53,37%).

Cavaco foi reeleito com o maior nº de sempre de votos nulos e brancos em presidenciais (1.93%+4.26%).

Uma "vitória histórica", de facto.

 

 

 

[contributo do mano]

Janeiro 23, 2011

Primeira nota

Miguel Marujo

Cavaco será eleito provavelmente com o menor de eleitores num presidente. Diz bem do estado a que isto chegou, mas diz ainda mais do que o senhor fez em cinco anos pelo país. Como ele próprio dizia, estaríamos pior se não tivesse sido. Poucos acreditaram.

Janeiro 23, 2011

Votar

Miguel Marujo

Hoje os dois inaugurámos o voto na freguesia em que vivemos. O cartão do cidadão levou-nos a subir a rua uns 20 metros para votar. À entrada, a confusão instalada, mas já íamos precavidos: um sms meu (enviado há dias) que me dava o meu novo número de eleitor e uma ida ao portal do eleitor (muito, muito lento) para saber o da M. - o sms enviado à hora de almoço para saber o dela só teve resposta às 17h28 - quatro horas depois. Posto isto: nós com acesso privilegiado em casa à net (sim, ainda é privilegiado) e telemóveis, conseguimos votar sem problemas. Os outros, os muitos outros não estão a ter tanto sucesso.

Janeiro 23, 2011

Hoje

Miguel Marujo

Hoje não se visita a tasca do Chico, por mais simpática que seja, nem se come coelho, para evitar indigestões. Guarda-se um acto nobre para campanhas de recolha de radiografias e não se tenta ser defensor de moura alguma. Mas não se passa definitivamente cavaco a um Aníbal. Posto isto, cara alegre e vote-se.