Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Dezembro 02, 2008

Banco público português

Miguel Marujo

O BPP vai ser salvo por um consórcio de seis bancos (os grandes) que se preparam para injectar 400 e tal milhões no banco que geria fortunas. Ora, estes seis bancos são os mesmíssimos que andam a pedir avais ao Estado. Donde se depreende que também o BPP é nacionalizado, por portas travessas, claro, mas com a garantia do dinheiro de todos.

 

E o Banco de Portugal já veio dizer que a coisa é para bem da imagem do país. Ó meus senhores, o meu crédito na banca é bastante mais pequenino. A bem da imagem do país, podiam perdoar a coisa. Eu ficava mais desafogado e garanto que não ando a desbaratar o dinheiro em operações obscuras. Só nuns livritos, uns CDs e DVDs, às vezes umas viagens. Coisa menor ao pé do que estes administradores de fortunas fizeram.

Pág. 7/7