Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Agosto 12, 2006

A lista de Helena

Miguel Marujo

Hoje, por uma vez, somos tentados a concordar em parte com Helena Matos, no Público [sem link disponível], que ataca a censura e as proibições, porque «[...] quanto mais pactuarmos com ela [censura], mais precisamos de acentuar as memórias e as histórias sobre as censuras e as opressões passadas. Nada que nunca se tenha visto. Infelizmente funciona quase sempre. Até ao dia em que a realidade nos explode diante dos olhos. Seja sob a forma de carros incendiados nos subúrbios, cadáveres atirados para o fundo de poços, como Gisberta, ou raptados e torturados, porque são judeus, como aconteceu, em França, a Ian Halimi. [...]» A dúvida só se instala porque esta é a mesma Helena Matos que bate palmas a cada movimento anglo-americano para erradicar a insegurança do mundo, e que se compraz com as medidas de vigilância a todos os árabes. A lista de Helena nunca incluiria a morte de Jean-Charles de Menezes nesta lista de coisas que nos explodem diante dos olhos.