Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Agosto 02, 2006

Pecar por omissão

Miguel Marujo



Este rosto tem um nome: Gisberta. Foi assassinada, no Porto. Não por irresponsáveis, como decidiu preconceituosamente o tribunal (transexual, brasileira, sem-abrigo: tanto anátema numa mulher só), mas por quem quis fazer o mal. Neste caso, a Igreja Católica pecou por omissão: bispos, padres, leigos (eu incluído), ninguém (poucos) veio (vieram) acusar o horror do crime, a leviandade do castigo e a absolvição dos menores. Como sempre, há cristãos que são menos peremptórios na defesa de certas vidas.

Agosto 02, 2006

De um filme da minha vida

Miguel Marujo


Irène Jacob, em "La Double Vie de Véronique"


«Weronika est une jeune chanteuse habitant en Pologne. Elle aime marcher pieds nus, regarder le monde à travers une boule de verre et a une malformation cardiaque. Un jour, à Cracovie, une jeune touriste qui lui ressemble la prend en photo. Weronika meurt peu après lors d’un concert. A Paris, Véronique est musicienne et possède les mêmes caractéristiques que Weronika : la voix sublime, le corps, la défaillance cardiaque. [...
A descoberta de um blogue (que merece duplas visitas e está quase a fazer um ano) é pretexto para lembrar um filme da minha vida: «La Double Vie de Véronique». E um realizador a pedir urgência na (re)descoberta: Kieslowski.