Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Maio 27, 2006

O tempo

Miguel Marujo


Farenheit 451, de François Truffaut

Os termómetros vão subir hoje até aos 37 graus em Santarém, aos 33 em Portalegre, 34 em Coimbra e Lisboa, 33 em Portalegre e 32 em Bragança. No Algarve, a temperatura vai estar mais fresca: a máxima prevista para hoje em Faro é de 26 graus.

Maio 26, 2006

Destilar

Miguel Marujo

Lisboa, sol, luz, calor. Passear por entre obras, carros, confusão. E destilar. A feira do livro, a subir e descer o parque, pelo fim da tarde será o remédio para este dia.

Maio 26, 2006

[dia solto]

Miguel Marujo

Quem sabe se a primeira passagem pela feira do livro, logo à tardinha. E talvez a FNAC, antes da feira, para gastar o cheque-disco.
Passar na Carris a levantar bilhetes de borla, depois de "justa reclamação do senhor Marujo".

Maio 26, 2006

KO

Miguel Marujo


Aqui há direita tenho a mania de escolher uns blogues que ando a descobrir, que por este ou aquele motivo merecem destaque. Classifiquei-os como «KO!» - podem pôr-me nocaute! Gosto de os ler e ver. E deixo-os ali, uns tempos, antes de os arrumar nas outras categorias, para que outros os descubram também. E gostem, odeiem, ignorem... Mas, até hoje, nunca tinha tido um KO literal!

* - a imagem é do filme Olhos de Serpente, de Brian de Palma, em que um dos boxeurs (à esquerda) finge perder por KO.

Maio 26, 2006

Em casa própria

Miguel Marujo

Parece que no Clube de Jornalistas desancaram no «mau jornalismo» dos «gratuitos» (sem que estivesse lá alguém destes), metendo tudo no mesmo saco. Mas depois referiram vários exemplos de mau jornalismo: «Uma capa do 24 Horas, outra do Expresso, a leitura do direito de resposta de Carlos Cruz na TVI, o caso do "arrastão" de Carcavelos.» Tudo jornais grátis.

Maio 26, 2006

...

Miguel Marujo

«A globalização desregulamentada a que assistimos é uma revisita, em termos mundiais, do capitalismo selvagem do século XIX, uma nova fonte de desigualdades sociais. Em todo o mundo se aprofunda de modo gritante um fosso entre os mais ricos e os mais pobres.» [Terra]