Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Janeiro 19, 2005

E nós? Choramos ou rimos?

Miguel Marujo

ou a letra da música que acompanha a entrada em cena de Santana nos comícios



Guerreiro Menino (um homem também chora)



«Um homem também chora

Menina morena

Também deseja colo

Palavras amenas

Precisa de carinho

Precisa de ternura

Precisa de um abraço

Da própria candura



Guerreiros são pessoas

São fortes, são frágeis

Guerreiros são meninos

No fundo do peito

Precisam de um descanso

Precisam de um remanso

Precisam de um sonho

Que os tornem refeitos



É triste ver este homem

Guerreiro menino

Com a barra de seu tempo

Por sobre seus ombros

Eu vejo que ele berra

Eu vejo que ele sangra

A dor que traz no peito

Pois ama e ama



Um homem se humilha

Se castram seu sonho

Seu sonho é sua vida

E a vida é trabalho

E sem o seu trabalho

Um homem não tem honra

E sem a sua honra

Se morre, se mata

Não dá pra ser feliz

Não dá pra ser feliz»

Janeiro 19, 2005

Detector de spin

Miguel Marujo

Sócrates disse aos jornalistas espanhóis na quinta-feira que era contra a retirada das tropas do Iraque. A notícia saiu no sábado no El País e no El Mundo. Ontem e hoje (quase uma semana depois) a comunicação social portuguesa sai com essas citações, depois de um trabalho de assessoria persuador das hostes do PSD. Na mesma altura em que Santana puxou o assunto, num comício em Mira. A esquerda domina o quê?