Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Setembro 07, 2004

Timberland

Miguel Marujo

Ali me encontrarão nos próximos dias. Sem querer postar. Sem querer ler blogues. Sem querer.


Podem encontrar-me nas próximas quartas-feiras na Terra da Alegria, a falar de viagens anteriores.


Volto em breve. E pode ser que um dos meus camaradas de tertúlia se lembre de passar por cá. Por isso, volte sempre! "Timber!"


Setembro 06, 2004

Cantinho do hooligan

Miguel Marujo

(ou as manias de grandeza dos gajos)



«SuperDragões acusam: ameaças a Mourinho tinham motivos passionais. Os líderes da principal claque portista revelaram, em conferência de imprensa, que as ameaças ao ex-treinador [José Mourinho], na véspera da final da Liga dos Campeões, estavam apenas relacionadas com telefonemas e mensagens por ele dirigidos à companheira de um elemento "com algum peso" na estrutura do grupo.» [in O Jogo]

Setembro 05, 2004

(aos meninos da Ossétia)

Miguel Marujo

«Conta Eduardo Galeano que foi numa véspera de Natal, no Hospital Pediátrico de Manágua. O director clínico dava uma última volta pelas enfermarias antes de sair para a consoada em família. Foi então que sentiu uns passitos suaves atrás de si e, ao voltar-se, foi interpelado por um dos meninos internados, precisamente aquele que a morte seduzia já para os seus braços. E o menino pediu-lhe: "Diz a... diz a alguém que eu estou aqui."» [Crónica da Solidão, Palombella Rossa]

Setembro 05, 2004

30000

Miguel Marujo

[número redondo: esta semana passámos as trinta mil visitas. não nos responsabilizamos por eventuais efeitos secundários. mas a gerência agradece a preferência.]

Setembro 05, 2004

O resultado foi melhor que a exibição

Miguel Marujo

«Neste cenário, e após o intervalo, estava visto que faltava um passe de mágica. Mas, foi das bancadas de chegou a veia mais genial. Uma valquíria nórdica iludiu a segurança e entrou em campo quase da mesma maneira como veio ao mundo. Foi o delírio da multidão. Foi, também, a inspiração erótica que guiou Portugal à vitória. A imagem do corpinho roliço da moça parece ter deixado a defesa letã meio abananada. Distraiu-se, os portugueses insistiram [...].» [in Jornal de Notícias]


«Faltava um momento de magia. E ele veio da bancada, aos 53'. Uma bela letã que resolveu então entrar semi-nua no relvado, interrompendo por momentos a partida. A imagem rapariga como que forneceu a inspiração que faltava a Portugal, em especial a Cristiano Ronaldo.» [in Público]


«A emoção do jogo esgotava-se no ambiente quente das bancadas, até que uma musa inspiradora entrou em campo quase como Deus a mandou ao mundo e os jogadores portugueses despertaram finalmente para o golo, ou melhor, para os golos.» [in Diário de Notícias]


«Portugal marcou, minutos depois de uma rapariga letã ter entrado no relvado com menos roupa do que é próprio num estádio de futebol. Foi a prova que faltava: este sábado nada seria capaz de retirar a concentração aos portugueses [...].» [in MaisFutebol]


[actualização: graças ao sempre atento Rui, podemos ligar o texto à imagem: Pauleta inspira-se. depois suspira-se.]