Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

Abril 15, 2011

A senhora verdade... mentiu

Miguel Marujo

A senhora verdade, a senhora que teve razão antes de tempo, a senhora que devíamos ter ouvido. Não poupam nos encómios os que dizem que Manuela Ferreira Leite é que falou verdade em 2009 na campanha e que o estúpido do eleitor português (só não é estúpido se votar em nobres neoliberais que andam aí) se deixou levar no canto socrático. Mas como se soube ontem, via Público, «para salvar Portugal de um procedimento comunitário por défices excessivos em 2003, o Governo de Durão Barroso titularizou dívidas fiscais, para receber do Citigroup, de uma só vez, a quantia de 1760 milhões de euros. Mas a ministra das Finanças Manuela Ferreira Leite nunca especificou qual seria o "preço" a pagar pelo Estado. A auditoria do Tribunal de Contas (TC) à operação de titularização, ontem divulgada, refere que, só até Fevereiro de 2010, o custo em juros e despesas de operação foi de 300 milhões de euros». [sublinhado nosso]

 

Ou seja: estamos a falar de alguém que omitiu a factura para as gerações futuras para não excedermos o défice naquele ano (onde é que ouvimos isto agora, não é?). Quando nos falam em "15 anos de socialismo", a expressão favorita à direita, devem estar a querer incluir a senhora verdade, no governo do comissário europeu e do seu ministro das fotocópias. Para falar verdade, MFL não hipotecou Portugal. Hipotecou a verdade. Por isso, não a apresentem como paladina de algo que ela nunca foi.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.