Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cibertúlia

Dúvidas, inquietações, provocações, amores, afectos e risos.

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Miguel Marujo

    26.01.11

    Carlos, sabes bem que critico e muito os cortes que foram feitos aos funcionários públicos, que se sentiram aliás - e bem - lá em casa, e que acho que os funcionários públicos são o bode expiatório fácil de uma certa classe dirigente - política, empresarial, corporativa - deste país. Mas o que contesto é o argumentário dos magistrados, que sendo os mais privilegiados dos funcionários públicos (e que se arvoram, quando lhes dá jeito, de serem orgão de soberania, apesar de terem sindicato), não pedem o fim dos cortes cegos, mas sim o alargamento da iniquidade, que eles contestam. No princípio da igualdade, pedi para mim, mero "privado", alguns dos seus privilégios. O post é todo ele irónico, claro. Mas a avaliar pelas reacções - não a tua, registo e destrinço -, de facto incomoda e muito gozar a magistratura neste país.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.