Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


O teórico da conspiração

por Miguel Marujo, em 14.03.04
O conspiracionista-mor deste reino não é, definitivamente, Marcelo Rebelo de Sousa, submerso em mil leituras apressadas na sua missa dominical. Pacheco Pereira leva-lhe a palma. No seu blogue, desde quinta-feira, dia dos infames atentados de Madrid, só tem escrito com um propósito: apontar o dedo a uma perigosa esquerda que esfregaria as mãos de contentamento por os atentados serem da Al-Qaeda. É um insulto gratuito. Não há terroristas bons (todos são hijos de puta, como escrevemos aqui, naquelas horas).



O que não se admite a Pacheco Pereira é uma suposta superioridade moral. Lembro: a guerra contra o Iraque foi assente numa mentira, grosseira mentira, alicerçada num suposto engano de serviços secretos, mas que esqueceu o papel da ONU na vigilância ao regime odioso de Saddam.



Agora que a Al-Qaeda supostamente assume os atentados (como nos conta o Diogo), que afirmará Pacheco? Insistirá, como insistiu o líder do PP, Mariano Rajoy, ontem em dia de reflexão, na «autoria moral» da ETA? Ou sublinhará uma alegada aliança das «trevas», que é como quem diz a ETA aliada à Al-Qaeda, como defende hoje, em dia de eleições, a ministra Ana Palacios?



Os meus sublinhados não são inocentes: os populares (e Pacheco di-lo-á certamente) dizem que as manifestações de ontem contra o PP foram «ilegais» e partidarizadas. Não passa pela cabeça conspirativa de Pacheco que aqueles manifestantes se cansaram de mais uma «mentira». Mentiras que não significaram nada - mataram muita gente, continuam a matar todos os dias.



É isto: o que incomoda Pacheco (e seus acólitos) é que a mentira da guerra nunca foi a solução para paz nenhuma. Por isso, hoje os espanhóis votam contra todos os terrorismos. Mas também devem votar contra todas as mentiras. E contra a maior mentira - a da morte, a que defende a morte.



«Aqueles dispostos a abdicar da essencial liberdade em troca de uma segurança temporária, não merecem nem liberdade nem segurança.»

Benjamin Franklin, "Historical Review", 1759 [citado na Rua da Judiaria]



Nota final: contra mim escrevo neste "post" - assumi que era a ETA que tinha matado naquela manhã. Mas, ao contrário do polícia do pensamento correcto, não procuro tornar isto num desafio Benfica-Sporting. Eu, por mim, desde quinta-feira preferi lembrar os 200 mortos e os mais de 1400 feridos. Pacheco, hipócrita, nunca o fez.

Autoria e outros dados (tags, etc)





Seguir

foto do autor


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2005
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2004
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2003
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D


Links

KO! [EM DESTAQUE]

  •  
  • OS QUE LINKAM A...

  •  
  • MUITO CÁ DE TODOS OS DIAS

  •  
  • CÁ DA CASA TUDO PARADO

  •  
  • MUITO CÁ DO PRÉDIO

  •  
  • MUITO CÁ DO BAIRRO

  •  
  • ESPECIALISTAS [CINEMÚSICA]

  •  
  • ESPECIALISTAS [COMUNICAÇÃO]

  •  
  • ESPECIALISTAS [ESCRITA]

  •  
  • ESPECIALISTAS [HISTÓRIA]

  •  
  • ESPECIALISTAS [FOTOGRAFIA+ILUSTRAÇÃO]

  •  
  • ESPECIALISTAS [IGREJA]

  •  
  • ESPECIALISTAS [HUMOR]

  •  
  • ESPECIALISTAS [SABERES]

  •  
  • PARA DESCOBRIR

  •  
  • FORA DOS BLOGUES