Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Uma foto, um congresso

por Miguel Marujo, em 29.01.12

Fotografia © Pedro Rocha/Global Imagens

 

Esta imagem vale um congresso. Sexta e sábado acompanhei o conclave da CGTP, como jornalista, e pude ver ao vivo um momento histórico. A saída de alguém que teve tempo para (durante longos 25 anos) construir uma central sindical que se foi libertando de um espartilho partidário, que tentou condicionar muito a ação dessa central, e a entrada de alguém que terá não mais do que oito anos para responder ao "preconceito anticomunista" (como Arménio Carlos classifica as críticas que lhe dirigem por agora acumular a sua função de secretário-geral da Intersindical e ser membro do comité central do PCP).

 

Esta imagem vale um congresso: no primeiro dia, momentos antes da sua intervenção, Carvalho da Silva alinha as notas de um discurso que, apesar das violentas críticas ao acordo de concertação social e às políticas do Governo, soube ler sinais diferentes de um mundo a preto e branco (e relembrar a esperança que uma eleição de Obama trazia, por exemplo). No final, Arménio teria uma palavra para Carvalho da Silva, mas apenas diluída na coletiva menção dos "camaradas" que saíram. Muito pouco para reconhecer que - apesar de uns mais mediatizáveis que outros, como Arménio fez questão de sublinhar várias vezes -, Carvalho da Silva deu muito ao sindicalismo português. Independentemente do lado da barricada.

Autoria e outros dados (tags, etc)

70

por Miguel Marujo, em 25.01.12

Autoria e outros dados (tags, etc)

O olhar de Ulisses que se fina

por Miguel Marujo, em 24.01.12

 


ATHENES, 24 jan 2012 (AFP) - Le réalisateur grec Theo Angelopoulos, décédé mardi soir à l'âge de 76 ans après avoir été renversé par un motard dans la rue au Pirée, près d'Athènes, a incarné à partir des années 1970 le Nouveau cinéma grec, qui a émergé après la dictature des colonels.


Autoria e outros dados (tags, etc)

Delito de opinião

por Miguel Marujo, em 24.01.12

 

Há relvados conspurcados pelo jogo sujo, que ganha o nome de censura.
Pedro Rosa Mendes falou de Angola e foi calado.
[foto MM, San Francisco, Out/2005]

Autoria e outros dados (tags, etc)

Velhas ideias,

por Miguel Marujo, em 24.01.12

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sol enganador

por Miguel Marujo, em 21.01.12

Este sol a pôr-se que aqui ficou é enganador: as nuvens cinzentas toldaram os céus, com um acordo de concertação social que concerta tudo contra os trabalhadores sem apelo nem agravo, apenas com muita subjetividade e ambiguidade. "Histórico": sim, é. Para o mal. O tempo vai mostrar como.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Este dia despediu-se assim

por Miguel Marujo, em 18.01.12

 


Fundação Champalimaud e Belém, 17/1/2012.

 

Há 40 anos, a primeira página do Diário de Notícias deste dia, dizia que "uma 'superfície frontal' veio passar o domingo a Portugal: chuva e vento em todo o país".

Autoria e outros dados (tags, etc)

4h30, 40 anos depois.

por Miguel Marujo, em 17.01.12

I waited patiently for the Lord
He inclined and heard my cry
He brought me up out of the pit
Out of the miry clay

I will sing, sing a new song
I will sing, sing a new song
How long to sing this song?
How long to sing this song?
How long, how long, how long
How long to sing this song?

He set my feet upon a rock
And made my footsteps firm
Many will see, many will see and hear

Autoria e outros dados (tags, etc)

Leituras

por Miguel Marujo, em 16.01.12

Ainda há dias aqui defendi que os blogues não estão mortos. Reinventam-se, depois da euforia juvenil dos anos iniciais. Mais um exemplo: Acordo Fotográfico (um achado, este nome), que nos traz leitores nas ruas. "Roubo" uma foto de Sandra Nobre, a feliz autora de uma página feliz...

 

 

foto de Sandra Nobre


«Há já algum tempo que acalento a ideia de sair por aí a retratar aqueles e aquelas com quem me cruzo no dia a dia, enquanto leem. Felizmente, são cada vez mais: nos transportes, nos cafés, nos jardins, em qualquer sala de espera - há cada vez mais gente a ler.»

Autoria e outros dados (tags, etc)

Nothing more to life

por Miguel Marujo, em 15.01.12

Autoria e outros dados (tags, etc)

Desnatar

por Miguel Marujo, em 13.01.12

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Há um erro de apreciação no produto português a exportar. O frango de churrasco do Nando's (que entusiasmou o ministro canadiano da Economia) nasceu na África do Sul e espalhou-se pelo mundo, Canadá incluído, o que terá motivado Álvaro, mas o pastel de nata já foi visto em Londres, Bruxelas, Xangai, Taiwan e, pasme-se, Toronto. O que acontecerá com este rapaz é que não está organizado em cartel, num qualquer Tony's cream. Nisto o Álvaro, se calhar, já anda a precaver futuros mais desnatados.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Os blogues que ainda são (de) descoberta

por Miguel Marujo, em 11.01.12

O facebook é o blogue instantâneo que entra pelo nosso ecrã. Foi o blogue do ano em 2010 para o Tiago, que ainda nos alimenta com o seu pão de cada dia a voz do deserto. Em 2011 será de novo o "blogue do ano", mas a vitalidade dos blogues-blogues mantém-se imparável. Escuso de nomear os que me vão deixando ko, pela sua leitura (estão aqui ao lado e seguem pelo ecrã abaixo). Há quem se diga cansado, que não lê, que não sei o quê, mas há pequenas coisas que ainda vamos vendo e lendo que nos fazem acreditar nos blogues.

Deixo três exemplos de posts em final de 2011 e um blogue que tentou resumir o ano. Quatro boas ideias:

- a playlist de Pedro Passos Coelho

- carta de Natal de um emigrante para o primeiro-ministro

- carta aberta ao senhor primeiro-ministro

e

- 2011 visto pelos Blogs.

 

Não faço listas do ano que passou; não vi filmes em salas, não ouvi todos os discos que queria, nem li tudo o que acho merecedor, blogues incluídos; por isso, recordo 2011 naquilo que me interessa, nas coisas e pessoas que merecem ser citadas. A destempo, aqui vou deixando notas dos dias que passaram no ano passado.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Querem sustentabilidade da segurança social?

por Miguel Marujo, em 10.01.12

Eduardo Catroga reformou-se em 2007 com uma pensão de 9693 euros por mês. Leu bem: 9693 euros por mês. Pois o senhor ainda não está reformado! Foi agora escolhido para a EDP onde todos nós lhe pagaremos 639 mil euros por anos. O senhor já veio cuspir na sopa e lamentar-se que pagará metade em impostos. Esquece-se que continua a ganhar o que 98% da população não ganha. Em todo o caso, acho que o que isto devia significar é só uma coisa: o Estado devia suspender-lhe a reforma milionária - está a trabalhar! Depois, quando se reformasse a sério, voltava a pagar-lhe. Querem sustentabilidade da segurança social? Podem começar por aqui.

 

 

[A obscenidade das nomeações da EDP tem vários exemplos destes reformados de luxo. Paulo Teixeira Pinto é outro. ]

Autoria e outros dados (tags, etc)

Os homens da EDP

por Miguel Marujo, em 10.01.12

«Estes são os homens que, nos últimos anos, nos explicam que o emprego seguro tinha chegado ao fim. Que defendem a meritocracia. Que cospem no papel do Estado (aquele que se faz com transparência e regras claras, não este que vive da troca de favores e de cromos) na economia. Que olham para os portugueses como se eles fossem um meninos mimados habituados a vida fácil. Vivem num País muito especial. Nesse País, não há carreiras, não há mérito, não há a ansiedade do desemprego e da penúria. Há acumulação de mesadas. Seja no público ou no privado, vivem entre a política e os negócios para se pendurarem no trabalho dos outros. São os avençados da Nação. Recebem um rendimento máximo garantido por nos venderem a austeridade que nunca irão conhecer. Liberais de pacotilha, vivem de expedientes enquanto afundam, há décadas, as esperanças de um povo que trabalha.» [Daniel Oliveira]

Autoria e outros dados (tags, etc)

Agola vai passal a sel tudo muito mais balato

por Miguel Marujo, em 09.01.12

«As nomeações para a EDP são um mimo. Catroga, Cardona, Teixeira Pinto, Rocha Vieira, Braga de Macedo... isto não é uma lista de órgãos societários, é a lista de agradecimentos de Passos Coelho. O impudor é tão óbvio nas nomeações políticas que nem se repara que até o antigo patrão de Passos, Ilídio Pinho, foi contratado. [...] O problema é que, enquanto isso, milhões de portugueses estão a perder salários, empregos, a pagar mais impostos, mais pelas rendas ou pela saúde. Estas nomeações são uma provocação social. Porque enquanto muitos tratam da sua vida, alguns tratam da sua vidinha. [...]» [Pedro Santos Guerreiro]

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 1/2





Seguir

foto do autor


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2003
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D


Links

KO! [EM DESTAQUE]

  •  
  • OS QUE LINKAM A...

  •  
  • MUITO CÁ DE TODOS OS DIAS

  •  
  • CÁ DA CASA TUDO PARADO

  •  
  • MUITO CÁ DO PRÉDIO

  •  
  • MUITO CÁ DO BAIRRO

  •  
  • ESPECIALISTAS [CINEMÚSICA]

  •  
  • ESPECIALISTAS [COMUNICAÇÃO]

  •  
  • ESPECIALISTAS [ESCRITA]

  •  
  • ESPECIALISTAS [HISTÓRIA]

  •  
  • ESPECIALISTAS [FOTOGRAFIA+ILUSTRAÇÃO]

  •  
  • ESPECIALISTAS [IGREJA]

  •  
  • ESPECIALISTAS [HUMOR]

  •  
  • ESPECIALISTAS [SABERES]

  •  
  • PARA DESCOBRIR

  •  
  • FORA DOS BLOGUES





    Sitemeter